Polícial

Homem é despido e morto na fazenda Santa Elina, em Ji-Paraná

Principais suspeitos, de acordo com a polícia, são integrantes da Liga dos Camponeses Pobres (LCP).

José Alves da Silva tinha 51 anos e trabalhava na fazenda Santa Elina como vaqueiro. Ele e um grupo de trabalhadores foram surpreendidos quando chegavam para trabalhar na fazenda. Homens armados renderam Zé prego , como era conhecido, e despiram todos os peões, entre eles uma mulher, sobrinha de Zé prego. Em seguido mandaram que todos corressem nus pela mata e esfaquearam Zé prego e logo após executaram com um tiro na cabeça.

As polícias militar e civil foram para o local e depois de quase seis horas de buscas o corpo foi localizado a beira da mata no interior da fazenda.  As motos dos trabalhadores também estavam no local , porem escondidas no mato. Pertences das vitimas foram queimados.

Após o crime a polícia deteve dois homens que seguiam em um táxi com destino a Jaru. Segundo um dos sobreviventes, esses dois homens seriam os assassinos. A Polícia Civil continuam as investigações. O homicídio aconteceu por volta das 9 horas da manha desta última segunda feira (31).

Da redação do Machadinho Noticias

Fonte: SGC

be84a294-4188-4299-9366-153b0030293c

Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar